BRAZUCA

0
724

Divulgando o Brasil na Universidade de Toronto.

Por Cristiana Moretzsohn

Você já ouviu falar do BRAZUCA? Você se denomina um brazuca ou conhece algum?

A palavra brazuca é normalmente usada entre os brasileiros que vivem no exterior como uma auto denominação positiva. A expressão tem um toque de patriotismo e orgulho de ser brasileiro, quase um adjetivo!

Fazendo uma analogia com a palavra, quatro estudantes brasileiros da Universidade de Toronto criaram o “BRAZUCA”, Brazilians United in Canada, uma associação estudantil que promove a integração da cultura brasileira na universidade e, com pouco tempo de formação, já recebeu até o prêmio de “Outstanding New Group Award of 2011”/ ‘Melhor Novo Grupo Estudantil”, concedido pela UTSU, University of Toronto Student Union.

Wave conversou com dois fundadores do grupo, Adam Yang, 22 anos, estudante de Filosofia e Sociologia e Nina da Nóbrega Garcia, 19 anos, estudante de Relações Internacionais. As outras duas fundadoras são Klara Yang e Anna Vieira, ambas estudantes da Universidade de Toronto.

Como surgiu a idéia de criar o BRAZUCA?
BRAZUCA: Ao entrar na Universidade de Toronto em 2009, percebemos que entre os 61 grupos estudantis que existem na Universidade de Toronto, não havia nenhum de brasileiros ou de cultura brasileira. Então reunimos um pequeno grupo de amigos brasileiros para criar o primeiro grupo brasileiro da Universidade de Toronto, o Brazuca, que foi oficializado em Fevereiro de 2010 (A formação do grupo implica a criação de uma constituição, inscrição para reconhecimento oficial do grupo estudantil, criação de pagina web, de logo, etc).

[quote float=”right”]Os estrangeiros sempre têm um carinho especial pelo Brasil.

Fale-nos um pouco sobre o grupo, suas pretensões e ideais.
BRAZUCA: O objetivo principal do grupo é trazer um pouco da cultura brasileira para a Universidade de Toronto. Multicultural como ela é, não poderia faltar um grupo que representa a diversidade e riqueza da cultura do nosso país. Portanto, através de uma série de eventos, tentamos representar facetas diferentes da cultura brasileira, sempre buscando ir além do estereótipo de que o Brasil é apenas samba, futebol e mulher bonita.

Vocês receberam recentemente um importante prêmio da união estudantil da Universidade de Toronto, como vocês vêm isso? O que os diferencia dos vários outros grupos estudantis da universidade?
BRAZUCA: Recebemos o prêmio de “melhor novo grupo estudantil” (“Outstanding New Club”) do ano 2010/2011 pela “excepcional contribuição que o grupo trouxe para a vida estudantil” pela UTSU (University of Toronto students’ union).

Esse prêmio é uma recompensa legal pelo nosso esforço e entusiasmo durante o nosso primeiro ano como grupo estudantil. É um incentivo muito bacana para continuar o trabalho e até mesmo expandir as nossas atividades. O prêmio dá um status interessante para o grupo, o que ao mesmo tempo aumenta a nossa responsabilidade, pois agora não seremos mais visto como um grupo iniciante.

Como a comunidade brasileira é vista dentro do universo estudantil de Toronto?
BRAZUCA: Os estrangeiros sempre têm um carinho especial pelo Brasil. Dentro da universidade, isso não é diferente. Acredito que justamente por causa disso conseguimos ter o sucesso que tivemos. Afinal, a maioria dos membros não é brasileira, apenas pessoas interessadas em nossa cultura e nosso país.

[quote float=”left”]o nosso grupo quer divulgar a cultura brasileira e não somente reunir brasileiros.

Quais os planos e eventos futuros do BRAZUCA?
BRAZUCA: Estaremos diretamente envolvidos na organização do workshop do BRAFFTv, que será realizado anualmente na Hart House. Também estamos planejando uma série de exibições de filmes e documentários brasileiros. Continuaremos a realizar os nossos populares Bate-Papos, onde reunimos pessoas para praticarem o português (todos os níveis são bem-vindos). As partidas e torneios de futebol também continuam na agenda.

Qualquer aluno pode participar do grupo ou precisa ser brasileiro?
BRAZUCA: Qualquer um pode participar, o nosso grupo quer divulgar a cultura brasileira e não somente reunir brasileiros. O nosso nome dá a ideia de que é um grupo só para brasileiros, mas esse não é o nosso objetivo. Por isso, no ano que vem o grupo terá um novo nome: BRAZUCA – Brazilian Culture in Canada

Mensagem principal do BRAZUCA:
BRAZUCA: A cultura brasileira é vibrante. Como estamos longe de nossa terra natal, o Brazuca é um meio pelo qual podemos ao mesmo tempo manter contato com ela e divulgá-la para quem está aqui. O Brazuca é um mini-Brasil dentro da universidade, onde todos, brasileiros ou não, são bem-vindos.

Quem quiser conferir os eventos e conhecer mais o grupo, o site do BRAZUCA é brazuca.ca.