Resumo de ‘Jezabel’: capítulos de 26 a 30 de agosto

0
43

Confira o que vai rolar na semana da novela das 20h (segunda a sexta – horário de Nova York), na Record TV Americas.

Novela de Cristianne Fridman, Direção Geral de Alexandre Avancini

Record TV Americas disponível no Canal 875 da Bell e 937 da Rogers.

26 AGO // 2ª feira – Capítulo 11

Israelitas vão até o portão do castelo e gritam por água e comida. Acabe e Jezabel escutam mas nada fazem. Acabe diz que não abrirá mão de sua água e comida para dar aos israelitas. Jezabel dá uma ordem a Hannibal. Acabe e Jezabel vão até o portão e pedem que o abra. Do lado de fora Emanuel implora que todos voltem para suas casas para não serem mortos. Acabe e Jezabel falam para os israelitas e dizem que a culpa pela falta de água e comida é de Elias. Acabe diz que assim que o templo estiver pronto, Baal e Aserá trarão chuva e fertilidade à terra. Ele ainda diz que o momento não é de segregação e revolta, mas sim de união. Os israelitas começam a se dividir. Homens israelitas e fenícios estão exaustos, muito magros, sujos, muito suados, trabalham na reconstrução do templo de Baal e do poste-ídolo de Aserá. Acabe fica impressionado com a destreza e a habilidade de Jezabel e diz que o povo a ouviu e foi ajudar na reconstrução do templo. Obadias tenta abrir os olhos de Acabe dizendo que Elias fez isso justamente para mostrar que o Senhor é Deus. Barzilai vai conversar com Queila e fala educadamente que entre as coisas que vieram do castelo para sua casa estão quatro estatuetas de seus deuses. Ele pede permissão para devolvê-las ao palácio. Queila compreende a fidelidade aos Deus de Barzilai e pede que Dido mande as imagens de volta ao palácio. Dido conta à Jezabel o que aconteceu e ela diz que vai até a casa de Barzilai. Joana implora para Barzilai não contar a seu pai que foi ela quem comprou as estatuetas para Queila. Jezabel chega na casa de Barzilai e pergunta para ele o motivo de não deixar Queila cultuar Baal e Aserá. Barzilai explica que não a proibiu a devoção aos seus deuses, mas apenas que o respeite por cultuar um Deus Único. Jezabel volta ao palácio e faz um pedido a Acabe. Ela pede que Acabe nomeie Hannibal como comandante do exército de Israel, assim ele trará Elias.

27 AGO // 3ª feira – Capítulo 12 

Jezabel questiona se Acabe acha desnecessária a morte de Elias. Acabe pergunta se há outro interesse em seu pedido. Dido diz à Joana que as mulheres fenícias não se comparam com as israelitas. Levi diz a Phineas que não é idólatra e que não pode continuar vendendo ídolos. Phineas diz que ele não pode fazer isso e o lembra de sua dívida com ele. Obadias pede a Acabe para que transfira Joana dos cuidados de Queila e Baruch. Obadias diz que ficou sabendo dos presentes para a cunhada da princesa com imagens de Baal e Aserá. Obadias pede que a deixe voltar para o palácio. Acabe diz a Hannibal que seu casamento está prestes a acontecer e que por isso não haverá distinção entre servos fenícios e israelitas, soldados fenícios e israelitas e sim, um reino só. Hannibal já sorri para si, vitorioso, entendendo o que Acabe quis dizer. Barzilai fica chocado e pede para o rei repetir o que disse. Hannibal agradece a deferência depositada nele. Acabe complementa que os dois tomarão conta do exército. Hannibal diz ao rei que não há como dividir um comando. Obadias concorda com Hannibal. Hannibal sugere que o comando seja decidido em um embate entre ele e o general Barzilai. Acabe olha para Barzilai que diz que sua espada está a serviço de Israel. Esposas do rei Acabe se penteiam e arrumam suas roupas. Aisha preocupada, conversa com Jaali e diz que está preocupada com as pressões que Acabe vem sofrendo. Getúlia entra e pede desculpas à Aisha pelo desmerecimento à sua posição como esposa do rei. Acabe autoriza o embate entre Hannibal e Barzilai. Obadias diz ao rei que não é prudente que dois guerreiros tão valorosos pelejem por uma posição que pode ser definida de outra forma. Acabe diz que sua decisão está tomada. Hannibal e Barzilai se encaram. Abner e Hannah descansam no trabalho da vinha. Nabote diz a Abner que ele ainda gosta de Hannah, e que não superou ela ter preferido se casar com Tadeu ao invés dele. Elias sentado à margem do rio, olhando para o céu. Elias pergunta a Dov o que o preocupa. Dov diz que teme que os soldados fenícios os encontrem e o mate. Elias diz que Deus ordenou que ele ficasse ali. Etbaal pergunta a Acabe se ele não tem medo de perder seu general. Jezabel fica do lado do noivo. Etbaal confronta Jezabel e diz que ela não tinha nada que pedir a Acabe que Hannibal fosse o comandante do exército. Obadias apela a Acabe para que não aconteça o embate entre os generais. Acabe diz que não há arrependimento e que a disputa acontecerá. No pátio, Hannibal chega imponente, acompanhado por IB, Sidônio e Adad. Hannibal e Barzilai se encaram.

28 AGO // 4ª feira – Capítulo 13

Acabe faz um discurso antes do embate. Barzilai e Hannibal lutam e Jezabel disfarça a tensão. Na luta, Barzilai consegue depois de uma sequência de golpes, desarmar Hannibal e o chuta, derrubando-o ao chão. Hannibal tenta alcançar sua espada, mas Barzilai a chuta para longe e aponta sua espada na garganta de Hannibal, vitorioso. Acabe pede que guardem suas espadas imediatamente. Barzilai olha para Acabe. Todas ficam na expectativa. Barzilai ergue a espada e a crava do lado da cabeça de Hannibal, poupando-lhe a vida. Acabe ao lado de Jezabel sorrindo. Etbaal decepcionado. No olhar de Jezabel ao som dos israelitas comemorando a vitória do general. Queila faz refeição com o auxílio de Dido. Acabe declara que Barzilai e Hannibal dividirão o comando do exército unificado de Israel e Fenícia. Soldados israelitas contém a revolta e Barzilai fica perplexo. Hannibal desabafa com IB que preferiria que Barzilai tivesse cravado a espada em sua garganta do que ser humilhado. Jezabel diz a Acabe que ele a surpreendeu com a decisão. Acabe diz a Jezabel que Barzilai deveria ter matado Hannibal. Etbaal discute com Jezabel e a culpa. Etbaal pede que Jezabel prepare um ritual. Jarbas vai até Hannibal e diz que o rei que falar com ele. Barzilai volta para casa com alguns ferimentos. Joana o parabeniza. Dido aproveita para seduzir Barzilai. Barzilai pergunta à Queila se ela está melhor e mostra um brinquedo que trouxe para Baruk. Acabe quer um banquete e pede que  Obadias avise Jezabel. Obadias procura por Jezabel em seus aposentos e ela não está. 

29 AGO // 5ª feira – Capítulo 14

Obadias encontra com Isaac e pergunta se ele descobriu o paradeiro de Jezabel. Isaac diz que ela está em um ritual daqueles que os fenícios fazem. Baruchi brinca com bonecos e soldados de barro. Queila o observa e sorri. Barzilai limpa sua espada e Dido se oferece para cuidar de seus ferimentos. Obadias diz a Acabe que Jezabel está em um ritual a Baal. Acabe disfarça o descontentamento com a notícia. Obadias ora ao Senhor e intercede pelo povo e pede que aquebrante o coração do rei. Hannibal, IB, Sidônio e Ada encontram Eliseu na planície e o cercam. Hannibal se surpreende ao ver que é Eliseu e não Elias. Hannibal pergunta onde está Elias que nega saber o paradeiro do profeta. Hannibal dá um soco em Eliseu e o derruba ao chão. Sidônio amarra uma corda em seus pulsos. Hannibal ordena que o leve para o palácio. Tadeu e Safate encontram Elias no caminho. Eles se abraçam. Aisha pede permissão a Acabe para ir à casa de Barzilai visitar Joana. Phineas diz a Acabe que viu o profeta Baltazar em Samaria. Acabe pede que tragam Baltazar a sua presença. Eliseu é levado até Acabe. Acabe pede que chame Jezabel e diz que Eliseu dirá o paradeiro de Elias. Saulo diz a Acabe que a princesa se nega a comparecer na sala do trono. Acabe  pressiona Eliseu para que confesse onde estão os outros profetas.

30 AGO // 6ª feira – Capítulo 15

Eliseu com os pulsos amarrados, seguro pelo general Hannibal, IB, Adad e Sidônio. Acabe na expectativa da resposta de Eliseu, que se mantém calado. Acabe o manda para o calabouço. Micaías sugere a Joel e Inlá para que resgatem Eliseu. Barzilai implora para que Eliseu conte onde estão os outros profetas. Jezabel fica irritada com Hannibal por não ter prendido Elias e sim Eliseu. Hannibal se decepciona com a princesa e sai da sala. Micaias e Noam se camuflam de soldados fenícios e entram no palácio. Eliseu adormece na prisão. Micaías e Noam vão até o calabouço e entregam um uniforme de um soltado também. Hannibal e Barzilai ficam bêbados e fazem uma trégua. Eliseu, Noam e Micaías fogem do palácio.

*Sujeito à alteração de acordo com a edição dos capítulos

DEIXE SUA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui