A fragilidade dos idosos de baixa-renda no “Little Portugal”, em Toronto

0
40

O envelhecimento da comunidade portuguesa, Little Portugal, em diversas cidades do Canadá, é uma realidade e, compreensivelmente, os idosos muitas vezes resistem à ideia de mudar para os subúrbios, onde os custos de moradia são mais baixos, mas onde também sentiriam falta da língua, cultura e amizades da vizinhança da “Little Portugal”.

Os imigrantes portugueses construíram comunidades institucionalmente completas com empresas e serviços, proporcionando-lhes tudo o que eles precisam para viver na língua portuguesa e de uma maneira cultural portuguesa.

Muitos de nossos idosos, entretanto, enfrentam isolamento em seus anos de aposentadoria ou mesmo em sua própria casa, composto em alguns casos por idade, saúde precária, mobilidade reduzida, pobreza e até abuso.

Assim como imigrantes portugueses, de forma geral, os idosos do Canadá trabalharam duro para sustentar suas famílias, construir comunidades fortes e ajudar crescer a economia do país. Enquanto muitos esperam fechar o capítulo sobre suas vidas profissionais, para alguns, especialmente idosos de baixa renda – a aposentadoria pode ser uma perspectiva assustadora, com potencial para insegurança e sentimentos de isolamento. Inúmeras são as situações em que poderemos precisar de um suporte mais imediato e, muitas vezes, a dificuldade do idioma faz com que nos sintamos inseguros e desprotegidos. No Canadá existem entidades assistenciais que oferecem ajuda em seu idioma nativo. Para o caso de atendimento em português, aqui vão alguns exemplos (Toronto):

Victim Services of Toronto – Tel.: 416 808 7066
Dias e Horários: Durante 24 horas – 7 dias por semana.


Abrigo Centre – Tel.: 416 534 3434
1645 Dufferin St, M6H 3L9 – Toronto


Working Women Centre – Tel.: 416 532 2824
533 A Gladstone Ave, M6H 3J1 – Toronto