Respeitável Artista – Poesia de Mario Borges

Ouça Respeitável Artista na voz de Mário Borges

Respeitável Artista

O sorriso coberto de tinta
Um palhaço chamado Arrelia
Mostra uma pessoa distinta
Por detrás daquela fantasia

De bengala, gravata borboleta
Boina vermelha faz sua figura
Danças, piruetas e caretas
A arte circense é a sua cultura

Com seu paletó estampado
Estampa na platéia risadas
O pioneiro palhaço legado
Azucrina com suas trapalhadas

Memórias nas lonas guardadas
De um notável artista colorido
A luz do palco é redirecionada
O astro em ascensão ao infinito…


Leia também:


Gostou da poesia? Deixe um comentário para o autor, Mário Borges, no espaço. E não esqueça de “curtir” e “compartilhar” com amigos.

Advertisement