Wave 106 – Aproveite a primavera: 4 rotas de canoagem no parque Algonquin

No Canadá, a primavera é muitas vezes considerada a melhor e a mais esperada estação do ano. Representa um período de renovação e crescimento, com muito verde brotando e flores desabrochando, após um frio e longo inverno.

Quem vive na província de Ontário sofreu na pele, nesse ano, um inverno cinzento e com níveis baixíssimos de incidência solar. Por isso, certamente, já está dando pulinhos de alegria com a chegada da nova estação.

  • Entre dezembro de 2022 e fevereiro de 2023, dados meteorológicos do Centro Europeu de Previsão de Médio Alcance (ECMRF) registraram os níveis mais baixos de energia solar dos últimos 83 anos.

Durante as primeiras semanas de janeiro de 2023, a área da Grande Toronto ficou sem ter sequer um dia ensolarado, de acordo com a The Weather Network. Ainda segundo eles, por mais de um mês, no intervalo de 4 de dezembro de 2022 a 8 de janeiro de 2023, a pequena cidade de Londres, em Ontário, ficou sem ver o sol.

Brian Brettschneider – climatologista da região do Alasca do Serviço Nacional de Meteorologia dos Estados Unidos e responsável pelos registros – ressalta que os longos períodos sem sol, como o vivido por Ontário em janeiro, podem ter significativos impactos psicológicos. “Tomar um pouco de sol tende a melhorar muito o humor das pessoas e, portanto, a falta de sol em muitos locais, contribuiu para uma sensação de tristeza neste inverno”, disse ele.

Depois deste inverno longo e cinzento, a chegada da primavera nos traz mais luz e nos lembra que dias melhores virão. Esse sentimento de esperança tem reflexos na saúde mental e no bem-estar, mostrando ser a primavera uma das melhores estações para a positividade das pessoas e sociedade em geral.

Advertisement | Anúncio

Atividades ao ar livre são frequentemente as preferidas, por todo o Canadá. À medida que o gelo derrete, lagos e rios se tornam acessíveis, perfeitos para atividades aquáticas como caiaque, canoagem e pesca. Para os amantes da natureza que desejam vivenciar a beleza dos lagos e rios do Canadá, a primavera é uma época perfeita.

As águas calmas do Parque Algonquin

O Parque Algonquin é o destino por excelência para canoagem no Canadá. O parque é mais conhecido por seus lagos pequenos e calmos, acampamentos bem cuidados e, tendo sorte, avistamento ocasional de vida selvagem. Parte da popularidade do Algonquin é sua proximidade com duas grandes cidades canadenses, Toronto e Ottawa. A distância entre Toronto e o West Gate de Algonquin é de pouco mais de três horas, enquanto o East Gate fica a três horas de Ottawa. Conectando os dois portões está a Highway 60, uma rodovia de duas pistas que corta diretamente a parte sul do parque. Os pontos de acesso mais populares, como Canoe Lake e Openongo Lake, ficam ao lado da Rodovia 60. Com mais de 2.000 km de rotas de canoa, há uma lista aparentemente interminável de passeios de canoa possíveis.

Dicas de 4 rotas de canoagem no Algonquin:

  1. Burnt Island Lake
    Burnt Island Lake é um lago deslumbrante localizado um pouco ao norte da Rodovia 60 e acessado a partir do Lago Canoe ou do Lago Opeongo. Devido à sua beleza e proximidade com os pontos de acesso, Burnt Island Lake é muito popular e, como tal, pode ser difícil garantir reservas aqui. É importante planejar o seu passeio com antecedência.
  2. Rio Tim
    O rio Tim fica no lado oeste do Parque Algonquin. Você não encontrará muita correnteza nele; suas águas calmas serpenteiam, gradualmente, em direção ao centro do parque, onde finalmente misturam-se às águas agitadas do rio Petawawa. O rio Tim é também conhecido pela facilidade de observação da vida selvagem, especialmente na primavera e no outono, onde a presença de alces são muito comuns na paisagem.
  3. Barron Canyon
    Imponentes penhascos de rocha vermelha, branca e preta caracterizam a borda nordeste do Algonquin. Não se esqueça de planejar uma parada em High Falls para explorar um incrível toboágua natural.
  4. Rio Petawawa
    Algonquin é principalmente um destino para canoagem em águas calmas, com exceção do rio Petawawa. O rio nasce no Lago Ralph Bice, no extremo norte do parque, e flui para o Lago McManus, na margem leste do parque. O rio é pontuado por uma série de corredeiras de Classe I e Classe II e uma queda ocasional. É um passeio emocionante para remadores de corredeiras intermediários e experientes. Não é aconselhado para principiantes.

Advertisement